O caseum surge nas reentrâncias naturais das amígdalas através da fermentação de substâncias orgânicas (substratos proteicos presentes na saliva, fragmentos de mucosa e alimentos). Assemelham-se a grãos que são expelidos à manipulação ou espontaneamente.

Tem odor forte característico e podem causar halitose.

São benignos, porém causam desconforto social ao paciente.

Você pode se interessar por: